quinta-feira, 9 de agosto de 2012



"Ninguém escolhe quem deve amar. Amor vem como vento, invade o olhar, a pele, o coração. Instala no peito e toma conta da cabeça, da vida. Muda o foco. Passada a paixão avassaladora se transforma e vira amor. Ouro conquistado em convivência, cumplicidade. É um diamante o companheirismo. Deixa a vida colorida. Enche de esperança o sentir. Quem tem um amor de verdade. Ganhou da vida um brilhante. É preciso reconhecer e zelar. Pois não é qualquer pessoa. Que o amor elege para amar."

(Denise Portes)

6 comentários:

Nilson Ramos disse...

Ah o amor...
Com seus jeitos, formas e cores.
Todos sentem sua presença ou ausência.

JasonJr. disse...

*-*

Brenda Kayene disse...

Que lindo textoo!!!
E é bem verdade. E pra mim, amor existe só um!!!!
*-*

Beijos!!

Ká. ✿~ disse...

É verdade.. não é qualquer pessoa... e ou se ama para sempre ou nunca se amou de verdade... algo e alguém que é preciso zelar (:

Beijinhos querida!!!!

Yohana Sanfer disse...

Essa transformação é linda! Belo post Luzia! bjs

Ká. ✿~ disse...

Ain... que lindo!!!!... o amor nao escolhe qualquer um a quem amar... mas fez a melhor escolha pra mim hehehehhe perfeito o texto! (: